nós dois seríamos assim

segunda-feira, novembro 13, 2017


Provavelmente eu te apresentaria pros meus pais, e dessa vez não teria medo, porque saberia que você é o cara ideal. Ficaria pensando naquelas legendas clichês para as nossas fotos. Iríamos falar tanta idiotice que ficaríamos rindo por horas a fio. Você iria implicar com o meu sapato "estranho" e eu ia achar irritante a sua mania de balançar as pernas incansavelmente. Eu sairia com você pra qualquer lugar sem nem pensar duas vezes, porque o que mais importa é a companhia. Iríamos andar sem rumo e sentar na grama do parque pra conversar sobre qualquer coisa, e você iria me falar que curte umas bandas estranhas e me faria ouvi-las. Você me mandaria piadas indecentes no meio da madrugada, e claro, eu só responderia no dia seguinte, porque eu sou dessas que dorme com o celular na mão. No meio da noite iríamos discutir sobre qual a sua próxima tatuagem. Sentaríamos em algum lugar para listar nossas comidas favoritas e você ficaria insistindo que strogonoff é melhor que pizza. Dormiríamos no meio daquele filme chato que eu te obriguei a assistir pensando ser bom.

Não seríamos nem de longe o casal perfeito, mas seríamos eu e você. Os dois desajustados que encontraram no outro algum motivo para se ter por perto. 

Porque o amor é isso, não é mesmo? É essa coisa louca, que nenhuma definição poderia decifrar. É mais do que beijos e abraços. É cumplicidade e saber que mesmo não entendendo minhas manias e divagações estranhas, você continuará lá por mim. A gente sabe quando é amor. Ninguém me contou como seria, eu só descobri isso estando com você. E eu sei que é uma loucura te amar. 

Leia esses também

0 comentários

Seguidores